Avante! Avante!

Portugal precisa da política patriótica e de esquerda

Portugal «precisa de uma política que enfrente os constrangimentos a que está sujeito: uma dívida insustentável, a submissão ao euro e aos grupos monopolistas», afirmou Jerónimo de Sousa em Alpiarça, num almoço que reuniu no sábado, 2, mais de 300 pessoas. Na ocasião, o dirigente comunista voltou a criticar o PS por se manter fiel a compromissos e opções que impedem as respostas estruturais de que o País e o povo carecem.