Avante! Avante!

Multidões nas cerimónias fúnebres do escritor comunista

Saramago, a luta continua!

Nos diversos passos da homenagem que constituiu o funeral de José Saramago, o Prémio Nobel da Literatura foi aclamado por multidões de amigos e camaradas que entenderam a mensagem da sua obra de escritor comprometido com a sua época e com as lutas travadas pelos trabalhadores da sua Pátria. O grito de Saramago, a luta continua! cobriu protocolos e deu a verdadeira dimensão, que perdurará, da ligação popular aos seus livros.

 

Desfiles do PCP em Lisboa, Évora e Porto

Na rua contra as injustiças

Num momento em que PS, PSD e CDS-PP, ao serviço dos grupos económicos e financeiros, comprometem o futuro do País e atacam o regime democrático, o PCP realizou nos dias 17, 18 e 19 de Junho, desfiles em Lisboa, Évora e Porto, em defesa do emprego, da produção nacional, da justiça social, da soberania nacional e por uma política patriótica e de esquerda. «Este é o sinal de que esta luta continuará com a força, a irreverência e a combatividade da juventude, porque esta é também uma luta em defesa dos direitos das gerações futuras.»