Debates internacionais

Solidariedade internacional e internacionalismo

Sob o tema «25 de Abril, 30 anos - Solidariedade internacional e internacionalismo» realizou-se, no Palco da Solidariedade, o primeiro debate do Espaço Internacional, em que participaram centenas de pessoas.As intervenções estiveram a cargo de Manuela Bernardino, da...

O artigo completo está disponível na edição impressa ou por assinatura on-line



Já é assinante ou comprou o Avante! esta semana?
Inicie sessão




Mais artigos de: Festa do Avante!

O segredo da eterna juventude

É muito raro que a chuva se intrometa com a Festa. Mas como há memória de chuvada - e isto da memória estende-se no tempo segundo o sujeito que a tem - este ano muita gente viveu a angústia dos boletins meteorológicos e, a cada aguaceiro ou chuvisco a apreensão podia...

Festa da juventude, dos trabalhadores e do povo

No 30.º aniversário da Revolução do 25 de Abril, que também tornou possível a Festa do Avante aqui estamos hoje com alegria, na abertura desta grande Festa da democracia, nesta grande Festa da juventude, dos trabalhadores e do povo.Ao longo destes anos os reaccionários de vários matizes tudo fizeram para a liquidar e...

De punho bem erguido

Milhares de pessoas, abraçadas, a cantar hinos e a partilhar causas apaixonantes e profundas convicções. Punhos cerrados e firmes, bandeiras vermelhas agitando-se, alguns olhos, emocionados, humedeciam-se, enquanto das colunas do palco que tem nome de liberdade saíam os sons conhecidos e...

Uma prova de força e vitalidade

Estamos naquela que é a maior realização política, social e cultural do nosso país. Um ano passou e a Festa voltou. Voltou reforçada, rejuvenescida. Esta Festa é mais uma prova da nossa força e vitalidade. A prova de que somos um Partido jovem mas experiente e que é capaz de erguer o que mais ninguém ousa sonhar.Através...

Festa de Abril e do futuro

Transmito-vos as saudações fraternas e revolucionárias do colectivo do Avante! – órgão central do PCP e jornal que dá o nome à nossa Festa. Nesta 28.ª edição da Festa do Avante!, comemoramos o 30.º aniversário do 25 de Abril, comemorando a sua primeira conquista – a liberdade – e, na sequência dela, todas as outras...

Por um Portugal mais justo<br> e um mundo melhor

Neste comício da nossa Festa do Avante!, permitam-me que comece por saudar calorosamente a juventude e a JCP pela sua contribuição específica e todos os que, mais uma vez, com o seu trabalho, com a sua generosidade e com a sua presença interessada e solidária, ergueram este grande evento cultural, artístico e político,...

Agir para vencer

O sol brilha, as nuvens aproximam-se, o Tejo brilha lá em baixo, Lisboa estende-se ao fundo e o País mostra-se na Quinta da Atalaia. Está lá tudo, o melhor e o pior, as tradições e as novidades, os ofícios e as artes, o vestuário e os adornos, a doçaria e as...

Pablo Neruda esteve na Atalaia

O poeta chileno Pablo Neruda – nascido há cem anos – esteve na Festa do Avante!, não fisicamente claro, mas através das suas palavras. Vários poemas e excertos de obras suas decoraram pavilhões, expressando as suas concepções ideológicas, o seu amor ao povo, ao Partido Comunista, aos lutadores e resistentes, à gente...

O lugar da música e da conversa

Música e palavra foram os componentes essenciais dos pequenos palcos que quase a cada esquina se encontravam na Atalaia. Palco Arraial, Palco Setúbal e Café Concerto foram sinónimo de muitas horas de entretenimento e debate de ideias, porque a Festa do Avante! é alegria e divertimento, mas também intervenção social,...

Até mais ver, camarada!

«Estás mais velho, pá! e engordaste!», dizia no espaço da Emigração um emigrante na Alemanha a um camarada seu, que não via desde a última Festa. O outro, encostado ao bar, riu-se e gozou olhando para a barriga do companheiro: «tu, então, estás cada vez mais novo e elegante!».Ambos costumam tirar férias nesta altura,...

Para o ano, mais e melhor!

Ainda não foi este ano que o pavilhão da Imigração teve a sua exposição política. Falta de condições organizativas não o permitiram, explicou ao «Avante!» uma camarada que se encontrava na caixa, contabilizando as receitas do bar. Atarefada, que os clientes eram muitos, disse-nos contar que, no próximo ano, essa lacuna...

Da cultura à política, nada faltou

Um vasto programa animou este ano o Pavilhão da Mulher. Raro foi o momento em que, durante toda a Festa, ali não se encontravam grupos parados a assistir aos muitos e variados espectáculos que o pavilhão oferecia. Pode dizer-se que tudo ali aconteceu: teatro, música, dança, um...

<em>O sonho tem Partido?<br>  — Ah, pois tem!</em>

Numa edição da Festa em que entraram para a JCP cerca de 200 novos militantes, a Cidade da Juventude destacava os 25 anos da organização, o 16.º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes e a comemoração dos 30 anos da Revolução de Abril.«O sonho tem...

Por um mundo melhor

Em destaque na Cidade da Juventude esteve o 16.º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes (FMJE), que se realiza em Agosto do ano que vem na Venezuela, com o lema «Pela paz e solidariedade, lutamos contra o imperialismo e a guerra!». Momento maior de encontro de jovens que lutam por um mundo melhor, o FMJE está já...

Onde a vida é brincadeira

A ameaça de chuva que por vezes pairou sobre a Quinta da Atalaia não afectou minimamente os mais novos que, indiferentes a tais «pormenores», aproveitavam plenamente os jogos e brincadeiras que o Espaço Criança lhes oferecia.Com uma estrutura em forma de casa, onde numa bela sala não faltavam os sofás e a televisão (tudo...

Milhões de páginas à espera do leitor

Entra-se na tenda branca, com o tecto em cone, como a imaginação nos diz que eram os chapéus das personagens das «Mil e Uma Noites». Será que essa obra existe na Festa do Livro? É provável, são aos milhares! Escolhe-se uma mesa, folheia-se um livro, outro, mais outro, olha-se para o preço – «Hum, não é nada caro!» –,...

Solidariedade internacional

No último dia da Festa, logo pela manhã, realizou-se o já habitual encontro entre as delegações estrangeiras e o PCP. O secretário-geral do PCP, Carlos Carvalhas, acompanhado por José Casanova, membro da Comissão Política e director do Jornal Avante!, Rui Fernandes, do Secretariado, e Manuela Bernardino, da Comissão de...

«Esta oliveira é nossa»

No ano em que o espaço internacional adoptou como tema central «A solidariedade internacional e internacionalista na luta pela democracia, a paz e o socialismo», nada mais natural do que ver nascer na Festa um painel exigindo a «Retirada imediata da GNR do Iraque».Porque a expressão...

Os fotógrafos da Festa

Alexandre NetoCátia PereiraJorge CabralJorge CariaJorge SantosJosé FradeNuno LopesPaulo SerranoReinaldo RodriguesRogério FeitorRogério PedroSérgio MoraisSofia BentoTeresa Lacerda

Música e poesia

Este ano o Palco da Solidariedade, no seu vasto programa de entretenimento e debate, homenageou duas grandes figuras da cultura mundial, dois comunistas: Carlos Paredes e Pablo Neruda. O primeiro tributo, a Carlos Paredes, que se realizou na noite de sábado, encheu-se de gente. Todos queriam ver, ouvir, dançar, relembrar...

Abril com os olhos no futuro

O Pavilhão Central voltou a ser o espaço político por excelência da Festa. Em nenhum outro, como ali, em diferentes suportes materiais, do painel gráfico ao audiovisual, sempre com um elevadíssimo nível de rigor e perfeição técnica, é tratada e...

A «alma» da fome

Ao entrar no espaço da ciência e da tecnologia, junto ao Café da Amizade, um painel gritava aos visitantes que «a alma da fome é política». Esta poderia ser a conclusão a tirar no final da visita à exposição que teve por tema «Fome: Passado, Presente e Futuro» e que também teve um lema: «Pelo Pão e Pela Paz».Assim, logo...

Congressos

O 17.º Congresso do PCP destacava-se num dos acessos ao espaço da imprensa partidária, onde decorriam os debates «À Conversa com...». Em fundo verde, a importância da reunião magna de Novembro próximo era salientada com excertos do Regulamento e das conclusões da reunião do Comité Central de 28 de Junho. Este painel...

Fotos da revolução

Chamava-se «30 Momentos de Abril» a exposição que veio mostrar na Festa imagens do dia 25 de Abril de 1974. Ao mesmo tempo, foi assim prestada homenagem ao autor dessas e de milhares de outras imagens vivas, algumas das quais publicadas no Avante! ao longo de muitos dos 50 anos da carreira de Júlio Diniz.Pela objectiva...

Três décadas de liberdade

A música clássica voltou à Festa num espectáculo intitulado «Três décadas de liberdade, três compositores, três pianistas».Sexta-feira, primeiro dia da Festa do Avante!, houve encontro marcado com a música clássica, este ano assumindo redobrada importância por ser o espectáculo que assinalou a passagem dos 30 anos da...

O maior palco do mundo

No ano em que se celebram 30 anos de Abril, o Palco cujo nome é a data da Revolução foi um espelho de liberdade. Novos e velhos dançaram a «Carvalhesa» a cada abertura e fecho do palco, escutaram as mensagens de luta e insubmissão e usufruíram a livre expressão no maior palco do mundo.Na Quinta da Atalaia ouviu-se mais...

Viver o sonho, homenagear Paredes

A Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo e o coreógrafo Vasco Wellenkamp trouxeram à Festa meia-hora de homenagem através da dança de uma coreografia exímia na forma como se completou com os inconfundíveis sons da guitarra de Carlos Paredes.No mesmo...

Música e Revolução

Manecas CostaOriundo da Guiné-Bissau, Manecas Costa é um virtuoso guitarrista, compositor e cantor e trouxe à Atalaia o calor dos sons da sua terra, conquistando aos poucos um público que terminou rendido aos ritmos contagiantes da banda que se aventura com sucesso, pelos campos da World Music. Guto PiresEx-membro dos...

Um palco de portas abertas

- A peça já começou?- Sim, mas a sala está cheia. Já não há lugares. Se quiser ficar de pé, pode ir espreitar. Este diálogo repetiu-se vezes sem conta junto à entrada do palco do Avanteatro. Invariavelmente esgotada, independentemente do tipo de espectáculo ou da hora (algumas peças começaram muito para lá da...

Cenas empolgantes

O anúncio da apresentação de cenas escolhidas da série televisiva «Até amanhã, camaradas», baseada no romance homónimo de Manuel Tiago, atraiu ao Avanteatro numeroso público desejoso de «espreitar» uma grande produção portuguesa que trata a heróica luta dos comunistas, ao lado dos trabalhadores e populações, contra a...

O <em>cartoon</em> na luta

Com 165 trabalhos de 74 autores, naturais de 38 países, esta exposição internacional foi «o maior festival de cartoon político realizado em Portugal», como salientou o secretário-geral do Partido na abertura da Festa. A mostra foi subordinada ao tema «A Luta dos Trabalhadores». O espaço inicialmente reservado no Pavilhão...

Revolução inacabada

A lotação do Fórum esgotou para o debate sobre a força e a actualidade da Revolução de Abril, com Vasco Gonçalves, Domingos Abrantes e, como moderador, Américo Nunes, no domingo à tarde.Calorosamente aplaudido, o general que foi primeiro-ministro do 2.º ao 5.º governos provisórios começou por ressalvar que a liberdade de...

A hora do trabalho

Foi no sábado, a partir das 15 horas e até depois das 17. Nos três espaços de debate do Pavilhão Central, os temas tratados tinham todos algo a ver com o trabalho.No Fórum, a tónica ia para a luta e a organização dos trabalhadores, 30 anos após o 25 de Abril. No espaço da imprensa do PCP, estava-se À Conversa com......

Uma batalha de todos

O desenfreado ataque que o Governo e os grupos económicos levam a cabo contra o Serviço Nacional de Saúde e o sistema pública de Segurança Social exige que todos os trabalhadores e democratas passem à acção, para defender estas conquistas de Abril. Este foi o alerta lançado por Bernardino Soares, Joaquim Judas e Fernanda...

Faça-se o debate e o referendo

Com a criação de um super Estado, tal como admite a chamada constituição europeia, há riscos – e riscos sérios - de grave mutilação da soberania nacional. Para a existência deste perigo real, que comprometeria a liberdade de Portugal escolher o seu futuro, voltou a alertar Ilda Figueiredo.Para a eurodeputada comunista,...

A rapinagem do imperialismo

As regiões onde ocorrem os maiores conflitos a nível mundial são exactamente aquelas onde existem os principais recursos do planeta. Esta não é uma coincidência mas sim a tradução de uma realidade, já estudada por Marx e Lenine, que mantém toda a actualidade: é a própria natureza e essência do capitalismo que o leva a...

O espírito olímpico começa na escola

Não é possível evoluir no desporto de alta competição e obter bons resultados nos Jogos Olímpicos sem evoluir na cultura física, no desporto escolar, no desporto para todos. Em torno desta ideia central convergiram todos os intervenientes convidados a falar sobre o «valor do Olimpismo e do Paralimpismo no desporto de...

Informação de classe

No debate sobre a imprensa do Partido foi valorizada a importância de haver uma alternativa à informação dominante e foi sublinhada a necessidade de fazer um esforço ainda maior para alargar a difusão do Avante! e de O Militante.Na meia-dúzia de intervenções do público – após palavras iniciais de Aurélio Santos, Fernando...

Liberdade para criar

As liberdades conquistadas com a Revolução de Abril não chegaram de modo idêntico e ao mesmo tempo a todas as formas de criação artística, referiram Manuel Gusmão, Filipe Diniz e Luísa Ramos, sábado à noite, no espaço À Conversa com...O 25 de Abril trouxe a liberdade de escolher os temas e como os tratar, mas a explosão...

Crimes sem perdão

A guerra do Iraque e o Médio Oriente continuam no centro da actualidade e a ser uma parte muito considerável da massa noticiosa todos os dias veiculada pelos meios de comunicação social. Nem todas as notícias são, porém, sinónimo de informação. Daí a importância acrescida de debates como o que se travou, no Fórum, sábado...

Três dias, quatro mil atletas

Foi Baptista Pereira, o maior nadador de longas distâncias que Portugal alguma vez conheceu, militante comunista e cidadão de inquestionável integridade, o homenageado pela tribo desportiva da Festa do Avante 2004.Durante três dias, mais de 4000 mil atletas consagraram-se a uma das 28 modalidades, mostrando assim que a...

Espírito desportivo

Mais de 1 200 atletas repartidos por 176 equipas participaram na Corrida da Festa 2004. Luís Jesus, da Conforlimpa, e Luzia Dias, do Sporting, foram os mais rápidos a cobrirem os 10 mil metros do percurso.Os atletas partiram do estádio da Medideira para cortarem a meta na Atalaia, bordejando o Tejo pelas formosas...

Os cem primeiros

1.º - Luís Jesus – Conforlimpa (Seniores) 2.º - Joaquim Francisco - Grupo R Casal Sto António (Seniores) 3.º - António Fonseca - União R Dafundo (Seniores) 4.º - Nuno Alves - Boavista São Mateus (Seniores) 5.º - Sebastião António - Grupo R Casal Sto António (Veteranos I) 6.º - Carlos Alves - Vitória Setúbal...

Uma novidade maravilhosa

Um torneio internacional de mini-futsal foi novidade no programa desportivo da Festa deste ano. Com as bancadas do polidesportivo cheias ou com muitos assistentes, foi um regalo ver como miúdos até os dez anos de idade interpretavam o jogo, sem dúvida o mais popular em todo o mundo.Não afirmamos que muitos dos gaiatos...

Um pavilhão muito concorrido

O pavilhão do xadrez, damas e mah-jong é um dos mais frequentados do recinto desportivo. Nele se realizam torneios, com realce para os de xadrez, mas afirma-se também como um espaço para a prática livre daqueles jogos. Por isso, são muitos os camaradas, homens e mulheres, novos e velhos, que lá passam para uma rapidinha...

Os homens do olho fino e mão certeira

A Festa do Avante! tem recebido as finais de torneios de malha corrida, malha grande e malha pequena que se vão disputando ao longo do ano. Como se sabe, os jogadores de malha pertencem a uma tribo especial dentro dos desportos populares. Entendem-se muito bem entre eles, pois todos são amigos ou conhecidos, trazem...

Um jogo enraízado

A petanca é um curioso jogo popular nascido em França. Entretanto, muitos dos nossos imigrantes trouxeram-no quando regressaram, depois de longos anos de estranja, e pode dizer-se que o transplante constitui um êxito. Todavia, é ao sul do Tejo que mais se pratica este jogo, contando-se por centenas os que o fazem...

Artes marciais

Na Festa do Avante viram-se também artes marciais, cuja técnica foi mostrada por várias colectividades que se dedicam a estas disciplinas. Refira-se que são modalidades em franca expansão, algumas das quais alcançaram já o estatuto olímpico.O Grupo Desoportivo Correr d’Água (mestre Taveira) encarregou-se do budo, o Grupo...

Classificações

Damas1.º - Tavares Correia – Lavradio2.º - Fernando Grelha – Almada3.º - José Pinto – Paços Ferreira4.º - Wilson Tavares – Amadora5.º - Jorge Martins – SeixalMah-Jong1.º - Clube Recreativo Piedense - A2.º - Barroquense Futebol Clube3.º - Clube Recreativo Piedense - B4.º - NC AlfeiteSetasFemininos(sábado)1.ª - Carina...

Baptista Pereira, o campeão e lutador comunista

A Festa prestou uma homenagem e organizou uma exposição sobre Baptista Pereira, o maior nadador português de longas distâncias. Na exposição evoca-se o 50.º aniversário da sua vitória na travessia do Canal da Mancha e muitos outros feitos desportivos do nadador de Alhandra, bem como o seu recorde de permanência na...

Olimpismo em exposição

A Festa deste ano ofereceu-nos uma exposição sobre o Olimpismo, o que não podia ser mais actual, visto termos saído há escassas semanas dos Jogos Olímpicos de Atenas e estarmos a poucos dias do arranque dos Jogos Olímpicos para deficientes.No pavilhão de xadrez, estiveram patentes sugestivas fotografias de atletas de...