Luta solidária nos CTT

A administração dos CTT «tenta descartar um trabalhador acidentado em serviço», no Centro de Distribuição Postal de Ermesinde, o que suscitou um movimento de solidariedade, com plenários de trabalhadores e uma greve de 24 horas, convocada para amanhã, dia 20, em vários CDP e no Centro de Produção e Logística do Norte.

O Sindicato Nacional dos Correios e Telecomunicações, que convocou a paralisação, avisou que, «mantendo os CTT esta vergonhosa atitude, não descartamos alargar esta luta a outros pontos do País».

Numa nota de imprensa, o sindicato da Fectrans/CGTP-IN refere que a «gestão revanchista e sem escrúpulos» dos CTT não cumpre uma decisão judicial favorável ao trabalhador, como persiste no despedimento e mantém o trabalhador sem recursos desde Agosto.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: