Imprensa alemã contra lei<br>da espionagem

A Associação de Imprensa Alemã lançou, dia 4, um abaixo-assinado contra o projecto de lei que permite aos serviços secretos alemães espiarem jornalistas estrangeiros.

A iniciativa, apoiada por organizações não-governamentais internacionais como a Repórteres Sem Fronteiras e a Amnistia Internacional, denuncia o projecto da coligação governamental liderada pela chanceler alemã Angela Merkel, que integra conservadores e sociais-democratas, que pretende autorizar o serviço federal de informação (BND) a acompanhar, sem restrições, a actividade dos profissionais de órgãos de comunicação social estrangeiros.

A Associação de Imprensa Alemã propõe-se apresentar em Setembro uma petição na câmara baixa do Parlamento alemão (Bundestag) contra o diploma.

Segundo o presidente da Associação de Imprensa Alemã, Frank Überall, a nova lei é um «atropelo» dos princípios de liberdade de imprensa e de expressão e limita o exercício do trabalho jornalístico destes profissionais.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: