Campanha contra «Museu Salazar»

No âmbito da actividade da União de Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP), nos dias 6 e 7 de Dezembro, decorreu, por todo o País, uma campanha de recolha de assinaturas contra o «Museu Salazar», com o objectivo de contactar as populações, alertando-as para esta ofensiva contra Portugal de Abril.

Só nestes dias, as equipas da URAP recolheram centenas de assinaturas para a petição (que também pode ser subscrita em https://peticaopublica.com/psign.aspx?pi=naoaomuseusalazar), nomeadamente em Almada, Amadora, Aveiro, Barreiro, Cruz de Pau, Mem Martins, Moita, Moscavide, Queluz, Santa Iria da Azoia, Laranjeiro e Seixal.

«As ideias fascistas e fascizantes proliferam em Portugal com a conivência e práticas de muitos que têm obrigação de cumprir e fazer cumprir a Constituição da República Portuguesa», condena a URAP.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: