Utentes exigem mais e melhores transportes públicos
Seixal reivindica parques de estacionamento gratuitos

UTENTES A petição «Parques de estacionamento gratuitos! Por mais e melhores transportes» reivindica a gratuitidade dos parques de estacionamento junto das estações da Fertagus e do terminal fluvial da Transtejo.

O documento, dirigido à Assembleia da República, pode ser subscrito em peticaopublica.com/pview.aspx?pi=CUTSeixal. «No concelho do Seixal temos vindo a ser confrontados ao longo dos anos com a existências de um total desaproveitamento dos espaços atribuídos aos parques de estacionamento nos quatro terminais intermodais do concelho: Terminal Fluvial do Seixal – Transtejo e TST; Estação do Fogueteiro – Fertagus, Sul Fertagus e TST; Estação dos Foros de Amora – Fertagus, SulFertagus e TST; Estação de Corroios – Fertagus, SulFertagus, TST e MST», refere o abaixo-assinado, promovido pela Comissão de Utentes dos Transportes (CUT) do Seixal.

Com a implementação do Passe Intermodal Metropolitano e concelhio em Abril de 2019, foi dada resposta a várias das reivindicações dos utentes pelo direito à mobilidade, bem como uma redução substancial nos gastos mensais fixos. No entanto, a política de desinvestimento nos transportes públicos não foi invertida, com o necessário aumento da resposta e qualidade do serviço público.

«Com a entrada em vigor deste novo sistema de passe verificou-se um aumento do fluxo de veículos nas áreas envolventes das estações, congestionando a circulação automóvel, bem como o estacionamento desordenado, ao mesmo tempo que há parques de estacionamento com lugares vagos ou mesmo encerrados», sublinha o texto da petição, onde se defende «um conjunto de medidas que promovam a gratuitidade dos parques de estacionamento junto das estações da Fertagus e do terminal fluvial da Transtejo».

Os subscritores reclamam, de igual forma, o «tratamento não discriminatório dentro da Área Metropolitana de Lisboa (AML) entre munícipes, uns com acessos gratuitos a parques e outro não» e «uma afectação dos parques de acordo com as necessidades de mobilidade concelhia, com incentivos a uma política de mobilidade urbana no uso do transporte público».

Joaquim Santos, presidente da Câmara Municipal do Seixal, sublinhou, entretanto, que a petição «vai ao encontro» daquilo que tem sido defendido pela autarquia: «mais e melhores transportes públicos para a população e estacionamentos gratuitos nas estações ferroviárias e fluvial».

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: