Plenário amanhã no Lusíadas

O Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal – CESP convocou para amanhã, entre as 14h30 e as 16h00, no Hospital dos Lusíadas, em Lisboa, um plenário com os trabalhadores daquela unidade para discutir o caderno reivindicativo a apresentar à empresa.

Depois de um plenário realizado com os funcionários da sede da Lusíadas Saúde SA, o CESP prossegue a auscultação acerca da proposta a levar à reunião com a administração do grupo, na qual se destacam quatro questões centrais: salários e reclassificação das categorias profissionais, diferenciação dos valores dos subsídios de refeição, horários de trabalho e pagamento do trabalho suplementar.

O sindicato pretende ainda informar os trabalhadores acerca do ponto da situação do Contrato Colectivo de Trabalho, que a Associação Portuguesa da Hospitalização Privada denunciou «com o objectivo de retirar direitos, ameaçando com a caducidade», confrontada que foi com a recusa do CESP em subscrever uma convenção colectiva que impunha retrocesso, e com uma proposta que, pelo contrário, representa um justo avanço nas remunerações e direitos.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: