Construir uma política que assegure uma vida melhor
Campanha construída a pulso no distrito de Beja

DESENVOLVIMENTO Jerónimo de Sousa regressou, quinta-feira, 26, ao distrito de Beja, fortemente marcado pelas consequências de décadas de política de direita levadas a cabo por PS, PSD e CDS.

Neste círculo eleitoral a lista da CDU é encabeçada por João Dias, seguindo-se Odete Borralho, Sara Ramos Marcelino, Jorge Silva, Tema Cristina Silva e Manuel Nobre, que participaram nas acções daquele dia, bem como João Ramos, mandatário distrital.

Nas iniciativas alertou-se para a necessidade de dar resposta ao problema da quebra demográfica, provocada pela falta de oportunidades de emprego, pelo envelhecimento populacional e pela migração de jovens.

Dai a necessidade de, também no distrito de Beja, «dar mais força» e «mais deputados» à CDU, «para não deixar o PS de mãos livres para, com ou sem o apoio do PSD e do CDS, andar para trás no que se conquistou com a luta dos trabalhadores e a intervenção da CDU», salientou, em Serpa, o Secretário-geral do PCP, durante um jantar, na Praça da República, que juntou mais de 300 pessoas. «Cada voto mais na CDU» vai contribuir para o «aumento geral dos salários» e garantir «creches gratuitas para todas as crianças até aos três anos», acrescentou.

Em Moura, num comício na Praça Humberto Delgado, o Secretário-geral do PCP pegou nos exemplos do aumento das pensões de reforma e da reposição do subsídio de Natal para consolidar que, na actual legislatura, os deputados da CDU fizeram a diferença, com propostas para repor direitos e rendimentos, mas também garantir novas conquistas.

Grande confiança

O apelo ao voto foi repetido por João Dias. «Estamos de cabeça erguida e com a consciência do dever cumprido, ao serviço dos trabalhadores e do povo, do distrito de Beja e do País», acentuou João Dias, após um almoço no Mercado Municipal da Vidigueira, com mais de uma centena de apoiantes. Mais tarde, em Serpa, recordou algumas propostas que deram «força à luta» na actual legislatura, como a construção da segunda fase do Hospital de Beja, reversão do Hospital de Serpa para o Serviço Nacional de Saúde e conclusão do IP8. Foram também os deputados do PCP e do PEV que lutaram pela «electrificação e modernização da linha do caminho-de-ferro entre Casa Branca/Beja/Funcheira», «agricultura sustentável e amiga do ambiente» e «salvaguarda da gestão pública da água e políticas de valorização ambiental». Também não foi esquecida pelo candidato a população da aldeia de Fortes, «confrontada com a consequência da laboração da fábrica de bagaço de azeitona».

O périplo pelo distrito ficou marcado pela actuação do Grupo Coral Feminino de Santo Amador, em Moura, e de «Os Alentejanos», em Serpa, que homenagearam, com as suas potentes vozes, o Cante Alentejano, Património Mundial Imaterial da Humanidade. Na campanha da CDU ecoaram palavras de alegria, dor, amor, saudade, porque «um «povo que canta não morrerá» disse, um dia, Michel Giacometti.

Defender a saúde no Seixal

Neste dia, de manhã, Jerónimo de Sousa esteve no Centro de Saúde de Amora, Seixal, onde valorizou a aprovação, no Orçamento de Estado, por proposta do PCP, de verbas para o acesso gratuito às vacinas contra o rotavírus e a meningite B, bem como o alargamento da vacina contra o Papiloma Vírus Humano aos rapazes. Apesar de serem recomendadas pelos pediatras, o Governo PS está a «boicotar» este avanço que permite aos pais das crianças poupar várias centenas de euros. Para além dos benefícios para a saúde pública, a medida fez diminuir as desigualdades sociais.

A visita serviu, também, para denunciar «as doenças crónicas do Serviço Nacional de Saúde» (SNS), em termos de «carência» de «profissionais, não só de médicos e enfermeiros, de assistentes operacionais e de técnicos administrativos», assim como nos equipamentos.

No Agrupamento dos Centros de Saúde de Almada-Seixal mais de 30 mil utentes não têm medico de família.

A iniciativa contou com a presença de Francisco Lopes, Paula Santos, José Luís Ferreira, Bruno Dias e Margarida Botelho, candidatos pelo círculo eleitoral de Setúbal.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: