Dia 20 na rua pelo suplemento de risco

Os trabalhadores da Administração Local manifestam-se em Lisboa, no dia 20, quarta-feira, colocando como primeira exigência a regulamentação das compensações devidas pelo trabalho prestado em condições de penosidade, insalubridade e risco.

A concentração, de âmbito nacional, foi convocada pelo STAL/CGTP-IN para as 10 horas, na Rua Braamcamp. Os trabalhadores dirigem-se depois para a Assembleia da República. Para aquela data foi convocada greve.

Para dias 16 a 19 (sábado a terça-feira), o STAL decidiu marcar greve nos SMAS de Sintra, porque continuam sem resposta vários pontos do caderno reivindicativo apresentado à administração há um ano. Um compromisso escrito poderia levar à não realização desta jornada de luta, admitiu o sindicato, ao divulgar em comunicado o texto enviado na semana passada à administração.

Por melhores condições de trabalho, nomeadamente na recolha de resíduos sólidos urbanos, uma centena de trabalhadores do município da Amadora manifestou-se no dia 7, de manhã, frente à Câmara Municipal, onde terminou uma marcha lenta, iniciada nos Moinhos da Funcheira.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: