Jornada Nacional afirma o Partido

Amanhã, sexta-feira, o PCP realiza uma jornada de afirmação, em todo o País, com o lema «Andar para trás não. Avançar é preciso!». Junto das empresas, nos locais de trabalho e em sítios de grande concentração de massas, será distribuído um documento onde se reclama o «reforço» do Partido e da CDU para «pôr o Pais a avançar» e «a vida dos trabalhadores e do povo a melhorar».

«Os trabalhadores e o povo têm uma importante oportunidade para, com o seu apoio e voto na CDU» – já nas próximas eleições para o Parlamento Europeu (26 de Maio) – abrir caminho a uma «política alternativa, liberta da sujeição aos interesses aos interesses do capital monopolista e não submetida ao Euro e às imposições da União Europeia», refere o panfleto.

Em 2019 têm ainda lugar eleições para a Assembleia Legislativa da Madeira (22 de Setembro) e para a Assembleia da República (6 de Outubro). A Coligação PCP-PEV defende, entre outras propostas, a valorização dos trabalhadores, dos seus salários e direitos, assim como das pensões de reforma; o reforço do Serviço Nacional de Saúde; mais investimento para a educação e a cultura; o aumento da produção nacional.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: