- Edição Nº2302  -  11-1-2018

Petição para travar a Altice

Image 24251

Foi lançada anteontem uma petição com o objectivo de suscitar na Assembleia da República o debate sobre os processos de aquisição em curso por parte da Altice. Os primeiros subscritores do texto solicitam à AR que trave as ilegalidades e o despedimento de centenas de trabalhadores, promova a retoma do controlo público da PT, impeça a aquisição pela multinacional francesa do Grupo Media Capital [o qual se juntaria à PT, MEO, TDT e SIRESP], reverta a situação que afecta os jornalistas e outros trabalhadores da comunicação social, vete a criação de um conglomerado com uma posição de domínio na televisão, rádio, produção de conteúdos, telecomunicações e Internet.

Encabeçam a iniciativa, que é possível apoiar assinando na página peticaopublica.com, por ordem alfabética: Abílio Fernandes, presidente da Associação Povo Alentejano; Adelino Teixeira de Carvalho, sindicalista; Alfredo Maia, jornalista; Ana Goulart, jornalista; Anabela Fino, jornalista; André Albuquerque, actor, coordenador do Cena-STE; Ângela Rosa, empresária de comunicação social; Aníbal Pires, professor; António Borges Coelho, historiador; António Redol, engenheiro, animador cultural; Carlos Camponês, jornalista, docente universitário; Carlos Carvalhas, economista; Carlos Santos Pereira, jornalista; Cíntia Gil, directora Doclisboa; Daniel Negrão, delegado sindical na PT; Deolinda Machado, da Com. Executiva da CGTP-IN e do Conselho de Opinião da RTP; Diana Ferreira, deputada na AR; Dörte Schneider, assistente de realização; Edgar Silva, deputado à ALR da Madeira; Emídio Martins, sindicalista; Fernanda Lapa, actriz e encenadora; Fernando Correia, jornalista, docente universitário, membro do Conselho Opinião da RTP; Fernando Paulouro, jornalista; Fernando Valdez, jornalista; Francisco Soares Cordeiro, dirigente sindical do STAL; Frederico Carvalho, engenheiro, cientista, vice-presidente da WFSW; Gustavo Carneiro, jornalista; Heitor Sequeira Alves, Capitão de Mar e Guerra; Helena Casqueiro, advogada; Helena Pato, professora; Hugo Janeiro, jornalista; Joana Manuel, actriz; João Ferreira, deputado no PE; Joaquim Mesquita, da Com. Executiva da CGTP-IN; Jorge Sarabando, publicista; José António Cerejo, jornalista; José Amaro, advogado; José Augusto Paixão, dirigente associativo; José Decq Mota, dirigente associativo; José Estevão Alves, Major-General; José Luís Borges Coelho, maestro; José Manuel Mendes, escritor, docente universitário; José Manuel Oliveira, coordenador FECTRANS; José Rosário, coordenador da CT dos CTT; Luís Encarnação, membro do Conselho de Opinião da RTP; Luís Miguel Loureiro, jornalista; Manuel Gusmão, docente universitário e poeta; Manuel Loff, historiador; Maria Helena Cordeiro, dirigente associativa; Maria Manuel Calvet Ricardo, docente universitária; Miguel Gomes, realizador de cinema; Mónica Santos, jornalista; Nicolas Fernandez, jornalista; Nuno Martins Rodrigues, presidente do STT; Olivier Blanc, director de som; Pedro Tadeu, jornalista; Ribeiro Cardoso, jornalista; Rita Rato, deputada na AR; Ruben de Carvalho, jornalista; Rui Namorado Rosa, docente universitário, presidente da Ass. Geral da OTC; Victor Narciso, secretário-geral do SNTCT.