Breves
Palmira libertada
O exército sírio, apoiado pela aviação russa, libertou no dia 2 de Março a cidade de Palmira, conseguindo expulsar os terroristas do Daesh após uma ofensiva de 50 dias. Tornar o local seguro é agora o grande desafio que enfrentam as forças sírias, já que os jiadistas colocaram bombas e outros artefactos explosivos nos caminhos e em diversos edifícios antes de retirarem para o deserto que rodeia Palmira ou para a cidade de Sokhna, a meio caminho de Deir Ezzor, perto da fronteira iraquiana. O governo espera que depois da desminagem as cerca de 70 000 pessoas que fugiram da cidade volvem aos seus lares. As autoridades estão também a fazer o levantamento das destruições feitas nas zonas históricas de Palmira, conhecida como a «pérola do deserto». Este tesouro arqueológico com mais de 2000 anos, catalogado pelo Unesco como Património da Humanidade, era visitado antes da guerra por mais de 150 000 turistas por ano.

Japão

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 devem permitir injectar 362,8 mil milhões de euros na economia japonesa. A estimativa é do município de Tóquio, que a semana passada divulgou um estudo com previsões que transcendem em muito o valor inicialmente estimado de 43,4 mil milhões de euros.

Quanto a lucros indirectos, em sectores como o turismo e a exploração de novas infra-estruturas, as estimativas apontam para os 67,1 mil milhões de euros. Segundo Tsumotu Kozaka, um dos responsáveis do município de Tóquio, em declarações à agência AFP, os cálculos foram elaborados tendo como referência os dados finais do relatório global realizado pela organização dos Jogos Olímpicos Londres2012. Recorda-se que em Dezembro de 2015 o Banco Central do Japão previu que os Jogos podiam permitir o crescimento de um por cento do PIB do país.

A organização dos Jogos de 2020 permitirá ainda a criação de quase dois milhões de empregos em todo o país.