93 anos e muito futuro

Não é só nas grandes iniciativas, que contam com centenas de participantes e com a presença do Secretário-geral do PCP, que se comemora o 93.º aniversário do PCP. Uma vez mais, e talvez a um nível superior relativamente a anos anteriores, estas comemorações chegam a todo o País, e não só, reunindo em inúmeras iniciativas milhares de militantes e simpatizantes do Partido. Reforçar a organização e a luta são objectivos centrais.

Alentejo

No Alentejo, para além do grande almoço de domingo, em Aljustrel (que destacamos nestas páginas), houve muitas outras iniciativas relacionadas com o aniversário do PCP. No fim-de-semana de 8 e 9, no distrito de Évora, centenas de pessoas participaram em almoços, jantares e convívios comemorativos deste significativo aniversário. Em Borba, 60 pessoas participaram numa acção, que contou com a presença de Armindo Miranda, da Comissão Política; em Estremoz, foram mais de meia centena os que escutaram a intervenção de João Dias Coelho, do mesmo organismo; em Évora, João Oliveira, presidente do Grupo Parlamentar do PCP e igualmente da Comissão Política, interveio numa acção que contou com a presença de 200 pessoas. Inês Zuber, deputada ao Parlamento Europeu e membro do Comité Central, esteve em Mora e em Vendas Novas, juntamente com mais de 300 militantes e simpatizantes do Partido; em Vila Viçosa, mais de 100 pessoas marcaram presença na comemoração dos 93 anos do PCP, que contou com a intervenção política de Jorge Pires, da Comissão Política.

No Litoral Alentejano, tiveram já lugar sete iniciativas, nos vários concelhos da região. No dia 2, Bruno Dias, deputado e membro do CC, esteve na freguesia de Abela, em Santiago do Cacém, e Domingos Abrantes em Grândola. No dia 9, foram quatro os almoços: em Alcácer do Sal, com a intervenção da deputada Rita Rato; em Sines, com Manuel Valente, do CC; em Alvalade do Sado, com Rui Fernandes, da Comissão Política; e em Santiago do Cacém, com a deputada Paula Santos. Bruno Dias esteve, neste dia, no Cercal do Alentejo.

Algarve

Também no Algarve o programa das comemorações do aniversário do Partido é vasto, com acções marcadas – e algumas já realizadas – em praticamente todos os concelhos da região. No dia 9, em Vila Real de Santo António, Albufeira e Lagoa tiveram lugar iniciativas comemorativas, que contaram com a presença de Francisco Lopes, dos organismos executivos do Comité Central, Celso Costa, do CC, e do deputado Paulo Sá, respectivamente. No dia 16, em Olhão e Lagos, realizaram-se dois almoços, nos quais intervieram Armindo Miranda, da Comissão Política, e Ricardo Oliveira, do Comité Central.

Soeiro Pereira Gomes

Como sucede todos os anos, voltou a realizar-se no refeitório do Centro de Trabalho da Soeiro Pereira Gomes o tradicional almoço de aniversário, que uma vez mais contou com a presença de dezenas de funcionários e colaboradores da estrutura central do Partido. A intervenção política esteve, este ano, a cargo de Margarida Botelho, da Comissão Política.

Setúbal

Entre as muitas iniciativas realizadas na Península de Setúbal, destacamos duas. Na Quinta do Conde, no concelho de Sesimbra, realizou-se um almoço no dia 9, que contou com a presença de José Casanova, do Comité Central. No mesmo dia, no CT Bento Gonçalves, no Laranjeiro (Almada), 60 pessoas participaram num almoço comemorativo. Intervieram, na ocasião, Hugo Garrido, do Comité Central, e Zózimo Amado, da Comissão Concelhia.

Aveiro

De Aveiro, chegou-nos a informação de duas grandes iniciativas que reuniram largas dezenas de militantes e simpatizantes do Partido, em Santa Maria da Feira e Ovar. Na primeira, intervieram Filipe Moreira, em nome da Comissão Concelhia, e Octávio Augusto, da Comissão Política, que valorizou o percurso heróico do PCP tanto na resistência ao fascismo como na Revolução de Abril e salientou o seu Programa e as suas propostas. Em Ovar, o aniversário foi assinalado no dia 8 num jantar realizado no Centro de Trabalho. Interveio, na ocasião, José Neto. Por se tratar no Dia Internacional da Mulher, Juliana Silva, da Comissão Concelhia, evocou também essa data histórica.

Lisboa

No distrito de Lisboa, foram também muitas e diversificadas as acções de comemoração dos 93 anos do Partido, que prosseguem nas próximas semanas. Na freguesia lisboeta de Alcântara, cerca de 90 pessoas encheram a sala do CT local do Partido para participar num almoço comemorativo, que contou com a intervenção política de Gonçalo Tomé, membro do Comité Central e responsável pela organização da Cidade de Lisboa do Partido. Em Vila Franca de Xira, entre outras expressões, o aniversário do Partido deu o mote a um mural, onde são destacados os objectivos da luta do Partido: a construção da democracia avançada e do socialismo.

Em todo o País

No distrito do Porto, as comemorações não se limitaram ao grande comício do passado sábado (ver texto nesta página). Em Vila Nova de Gaia, por exemplo, mais de 150 pessoas participaram, no dia 1 de Março, num jantar comemorativo, que contou com a presença de Manuel Rodrigues, director do Avante! e membro da Comissão Política. No distrito de Viseu, onde há igualmente um vasto programa de comemorações, realizou-se no dia 8 um jantar em Vila Nova de Paiva e, no sábado seguinte, dia 15, uma iniciativa semelhante em São Pedro do Sul, onde esteve presente João Abreu, do Comité Central e responsável pela Direcção da Organização Regional. No dia seguinte, Francisco Lopes (da Comissão Política e do Secretariado) participou num almoço em Viseu. No distrito da Guarda, mais precisamente no concelho de Gouveia, Manuel Rodrigues participou num jantar no passado dia 15. Em Bragança, no dia 9, assinalou-se o aniversário com o já tradicional lanche convívio. A intervenção política esteve a cargo de Gonçalo Oliveira, do Comité Central.

França

Os comunistas portugueses emigrantes em França não deixaram de assinalar o aniversário do seu Partido. E fizeram-no de forma expressiva, com um almoço em Aulnay-Sous-Bois, que reuniu cerca de uma centena de militantes e simpatizantes do PCP num restaurante português que é uma referência para a comunidade emigrante. O almoço contou com a presença de Rosa Rabiais, do Comité Central, que adiantou as principais tarefas que estão colocadas aos comunistas portugueses, entre as quais se destaca o reforço da organização e intervenção do Partido.




 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: