«Mais de 70 organizações já aderiram à Campanha»
Pela paz e contra a NATO
Campanha está a crescer

Dezenas de organizações já aderiram à Campanha «Paz Sim! NATO Não!», sinal de que um cada vez maior número de pessoas se mobiliza na defesa da paz e contra o bloco político-militar imperialista.

 

Depois de uma jornada nacional de esclarecimento, mobilização e recolha de assinaturas, realizada no passado dia 15 de Abril, da participação nas comemorações populares do 25 de Abril e nas manifestações do 1.º de Maio em Lisboa e no Porto, a Campanha «Paz Sim! NATO Não!» está a ampliar-se, consideram os promotores em nota enviada à comunicação social.

Neste momento, são já mais de 70 as organizações aderentes à Campanha, entre as quais estruturas do movimento associativo e popular, colectividades desportivas e de recreio, associações de estudantes, juvenis, culturais e de solidariedade para com os povos em luta, a CGTP-IN e outras estruturas sindicais, juventudes partidárias e organizações políticas e sociais.

A Campanha “Paz Sim! NATO Não” reafirma o seu apelo a todas as forças da sociedade portuguesa e a todos os cidadãos e cidadãs para que reforcem e ampliem um movimento que expresse publicamente a oposição da população portuguesa à realização da Cimeira da NATO em Portugal, bem como aos seus objectivos belicistas, refere o texto enviado às redacções.

Para os promotores da campanha, é igualmente necessário que um grande número de pessoas e estruturas colectivas exija «às autoridades portuguesas o cumprimento da Carta das Nações Unidas e da Constituição Portuguesa, em respeito pelo direito internacional e pela soberania e igualdade dos povos».

A Campanha «Paz Sim! NATO Não!» lembra ainda que em Julho se realiza um acampamento de juventude e, em Novembro, aquando da realização da Cimeira da NATO, uma grandiosa manifestação.

 



 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: