Somália bombardeada
A aviação norte-americana bombardeou, segunda-feira, a região fronteiriça entre a Somália e o Quénia, onde alegadamente se encontravam acantonadas unidades da União das Cortes Islâmicas (UCI).
Quatro habitantes da localidade de Dhoble morreram na sequência do ataque, que testemunhas ouvidas por meios de comunicação internacionais afirmam ter atingido apenas alvos civis.
A UCI controla uma boa parte do país apesar de ter sido expulsa do poder, em 2007, fruto de uma investida etíope.
Ainda assim, no fim-de-semana, na capital, Mogadíscio, militares do governo e milicianos da UCI envolveram-se em violentos combates, desconhecendo-se o registo de vítimas.


 Versão para imprimir            Enviar este texto            Topo

Outros Títulos: