24 

Domingo

Seis portugueses são detidos na Venezuela, depois das autoridades encontrarem quase 400 quilos de concaína de elevada pureza no avião que os transportava • São encontrados mortos 49 recrutas do exército iraquiano à beira de uma estrada • Realizam-se eleições presidenciais na Tunísia • A imprensa americana noticia que a CIA retirou secretamente prisioneiros do Iraque para interrogatórios, violando a Convenção de Genebra.



 25 

Segunda-feira

O Sindicato dos Trabalhadores da Pesca do Norte admite a hipótese de o naufrágio da embarcação «Salgueirinha» ter sido provocado por abalroamento • O presidente da Media Capital, Paes do Amaral, afirma ter sofrido pressões políticas durante os governos de Cavaco Silva • A Comissão Nacional de Protecção de Dados recusa o sistema de videovigilância de creches através da internet • As conversações de paz na região sudanesa de Darfur recomeçam • Na província tailandesa de Narathiwat, 84 pessoas morrem na sequência de confrontos entre a polícia e manifestantes • O Vaticano condena o conceito de guerra preventiva.



 26 

Tera-feira

Pais dos estudantes da Escola Bartolomeu Dias, em Sacavém, bloqueiam a entrada em protesto contra a insegurança no estabelecimento • O ministro dos Assuntos Parlamentares admite a hipótese de se realizar um referendo sobre o tratado constitucional da União Europeia sem haver uma revisão extraordinária da Constituição portuguesa • O julgamento de Slobodan Milosevic é suspenso por duas semanas porque várias testemunhas se recusam ser interrogadas pelo advogado de defesa que o tribunal impôs ao acusado.



 20 

Quarta-feira

Registam-se confrontos entre o Corpo de Intervenção da PSP e estudantes da Universidade de Coimbra, quando estes tentavam invadir o Senado e impedir a fixação da propina máxima • A Confederação Nacional das Associações de Pais defende o adiamento para 2005/6 dos exames nacionais do 9.º ano • O Sindicato dos Jornalistas acusa o Governo de atacar a liberdade de expressão ao pretender controlar a programação da RTP • O Governo propõe o dia 10 de Abril como data para o referendo à Constituição Europeia • O primeiro-ministro libanês demite-se.



 21 

Quinta-feira

Em Coimbra, centenas de estudantes participam numa vigília em protesto contra a prisão de um colega • O juiz conselheiro Artur Maurício é eleito presidente do Tribunal Constitucional • O Governo do Irão afirma que via «considerar» a proposta da França, da Alemanha e do Reino Unido sobre o seu programa nuclear • O ministro do Interior da Arábia Saudita anuncia que as mulheres são poderão votar nas eleições previstas para o início de 2005 • O ex-presidente da Jugoslávia Slobodan Milosevic volta a exigir que o Tribunal Penal Internacional lhe conceda o direito de se defender a si próprio.



 22 

Sexta-feira

A Refer encerra o túnel ferroviário do Rossio, em Lisboa, em Lisboa, devido a uma deficiência estrutural grave • Os armadores de pesca industrial ameaçam paralisar por tempo indeterminado a frota de longo curso, se o Governo não atenuar os efeitos da subida dos preços do petróleo • O Tribunal Constitucional confirma a legalidade do acórdão que decretou a prisão preventiva de Fátima Felgueiras • As Nações Unidas afirmam que se verifica uma tragédia humanitária de grandes proporções no Norte do Uganda • A Rússia aprova a ratificação do protocolo de Quioto.



 23 

Sbado

Realiza-se o Encontro Nacional de Educação do PCP • O Procurador-Geral da República recusa demitir-se, se o Ministério Público não ganhar o caso Casa Pia • O novo presidente da Somália pede à União Africana para enviar 20 mil soldados para desarmar a milícia • Realizam-se eleições legislativas no Kosovo, registando-se o boicote da comunidade sérvia • No Japão, um violento sismo provoca a morte de 21 pessoas • O Brasil lança um foguetão espacial.